Inaugurada Capela Santo Tomás de Vilanova

 

 

       No último dia 30 de Agosto de 2009, a comunidade castelense pode participar de um momento muito especial, de grande valor cultural e religioso. No dia de Santo Agostinho, padroeiro da Comunidade da Fazenda do Centro, inaugurou-se a Capela do Casarão, que foi restaurada e revitalizada.

      A festa começou com a celebração eucarística, presidida pelo pároco Frei Nícolas Perez Aradros. Em seguida, toda a comunidade, conduzindo, em procissão, Santo Agostinho e Santo Tomás de Vilanova, dirigiu-se à Capela do Casarão, para o tão esperado momento: descerrar o laço da porta daquele local. Dirigindo-se ao altar, Frei Nícolas realizou a benção da Capela e a consagração do altar, em ato solene.  

    A multidão, ali presente, não conteve as emoções, muitos, em lágrimas, ouviam a presidente do Instituto, Maria José Vettorazzi, também emocionada, a declarar o que significava para ela e para os membros, aquele momento incomparável.

     “A Capela do Casarão está restaurada e revitalizada. Nós estamos aqui, e isso é realidade”. Discursa sobre a fundação do Instituto, objetivos, as dificuldades, as alegrias. Relembra os grandes nomes que fizeram história ali. E diz: “O nosso gesto está inspirado pelo espírito de Deus e nosso gesto precisa exalar o perfume, a essência do espírito de Deus. Alguns momentos nos sentimos tristes face às adversidades da vida. Mas sentimos a presença do Senhor que nos encoraja e se revela, como agora, neste momento. Jesus faz novas todas as coisas.” Finaliza agradecendo todo o apoio recebido: “dizem que as pessoas podem se esquecer do que dissemos, esquecerão do que fazemos, mas elas nunca se esquecerão do que as fizermos sentir. Vossas Excelências e Senhorias nos fazem muito felizes pela atenção e pelo apoio ao nosso projeto e, por isso, nunca esqueceremos os vossos gestos.”

    Em seguida, concede a palavra às autoridades, o Sr Prefeito Cleone Gomes do Nascimento, ao Secretário de Estado da Saúde, Dr. Anselmo Tozi, a Secretária de Estado da Cultura, Dayse Maria Oslegher Lemos, quando dá a notícia que o Governo do Estado disponibilizou os recursos para o prosseguimento das obras do Casarão. Sem conter a alegria, o público presente aclama uma salva de palmas pela boa nova, tão esperada por todos!

    É convidada então, a Senhora Aidê Bernabé Feitosa Perin, filha da terra, de Brígida Bernabé e Roberto Feitosa para testemunhar momentos de sua infância, naquela localidade. Ela então, envolvida pela causa, presenteia o Instituto com a peça de roupa de anjo, que vestiu aos 04 anos de idade, em uma coroação naquela Capela. Trás também, em molduras, fotos da época.

    Dando-se por encerrada aquela solenidade, a comunidade participou de almoço comunitário e, a seguir, em frente ao Casarão pode descansar à sombra, ao som da Moda de Viola com Zé da Silva e Matuzalém.